PARA

Para quem se banhou no Rio Grande do Sul

Para quem amou a Amazônia

Para quem escreve em mãos

Para quem é judeu

Para quem não é cristão

Para quem é ecumênico

Para quem respeita as crenças e a opinião

Para quem já se foi sorrateiro

Para quem só vê humilhação

Para quem esqueceu o ibope

Para quem não vê televisão

Para quem está nos bastidores

Para quem Melodia e canção

Para quem não quer ser visto

Um vulcão em erupção

Adeus dará

Escrito por Dionnara às 09h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Ao mestre Niemeyer

Há retas
Serão generosamente entortadas
Há curvas
Serão delicadamente assentadas
Há espaço
Será criativamente ocupado
Há silêncio
Será, aos traços, sonorizado
Há terreno
Será inventivamente recriado
Há pensamento
Será poeticamente realizado
Há vida
Será eternamente compartilhada
Há alma
Será presencialmente mantida

05/12/2012
Eduardo Alves

 

Escrito por Dionnara às 09h54
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

[Elefantes na varanda]

 

 

A outra face

 

 

Eu sou a face

Face à face

Da vitória

Mas sou derrota e liberdade

Autonomia

Em meio a farra de excluídos

Eu me incluí

Do feto à foice

Ou pelo instante de uma festa

Onde encarei

Frente a frente

O rosto maleável

E severo da verdade

 

Que me mentiu solenemente.

 

--

[Leandro Jardim]

 

Escrito por Dionnara às 11h00
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CONVERSAS ABISSAIS E-BOOK

Oi Dionnara
 
Iniciamos a venda de e-book dos nossos títulos, e o seu já deve estar disponível em diversas lojas. O preço de capa será R$ 10 e o formato PDF. O arquivo terá proteção DRM anti-pirataria, que permite compartilhamento limitado.
Seguem algumas lojas. Copiei e colei, por isso está meio “sambado” aí. Ainda tem outras, por todo o Brasil. Assim que eu começar a receber os relatórios de distribuição, encaminho a você.
 
Gato Sabido Livraria
K-Books Clube

Livraria da Travessa
Grioti Livros Digitais

Livrarias Curitiba
Casa do Psicólogo

LivrariaLumenJuris.com
iba

LivroX
Buqui

Multieditoras
Loja Raimundo Lúlio

Positivo
eBookCult

Livraria Cultura
Disal Livraria
 
Rodrigo Rosa, editor
Navilouca Livros
www.navilouca.com

 

Outros livros:

www.publit.com.br

Escrito por Dionnara às 14h17
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

É SALLES 13001, VITÓRIA

 

 

E dizem

Derrapa na lama

Ora que a doidequeca

Na panqueca de mim

Virou moda

 

Do Livro inédito Escuta, 2012

http://www.navilouca.com

http://www.publit.com.br

 

Com hacker campanha, valeu, Di.

 

 

 

Escrito por Dionnara às 03h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

NÃO SEI POR QUÊ

 

 

                Chegou a hora da despedida. Fase de transe a outra transição. Mutável é a humanidade. Imutável é o que reprime. Comando de comando. Levitação. Meditação. Os pensamentos que passeiam a mente livremente são lidos como estranhos no só depois. 

http://www.navilouca.com/

http://www.publit.com.br/  

Escrito por Dionnara às 01h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

DESCONHECIMENTO

NA CÂMARA DE DEPUTADOS

                O Programa Justiça Terapêutica, de cunho americano, há muito trata aqueles que forem flagrados pela polícia com quantidades de drogas para uso pessoal, com demandantes de tratamento terapêuticos obrigatórios, visando a abstinência.

                Passo-a-passo, não deixou de ser um avanço, não fosse a atualização da leitura feita pela Rede Internacional de Redução de Danos que não obriga ao tratamento, nem à  abstinência, mas oferece que drogas pesadas, como a heroínas, sejam, paulatinamente substituídas por drogas leves, com ênfase na informação sobre as substâncias psicoativas criminalizadas, ou não.

                A discussão, na Câmara dos Deputados é redundante e merece a participação daqueles que têm longa experiência com o tema, no sentido de fortalecer a implementação dos Centro de Atenção Psicossocial – CAPS AD – pelo Ministério da Saúde – Governo Federal.

São os mais sinceros votos,

Dionnara Castro.

 

Escrito por Dionnara às 15h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

AS TORTURAS ENTRE QUATRO PAREDES

 

 

                Mesmo com a parceria com o antigo MDB, o PT não poderá desprezar seus impasses no mensalão, a reverberação da saída do Professor Luis Eduardo Soares, cuja consequência é a intervenção na vida cotidiana, familiar, de cada um dos militantes.

                Não pode desprezar a lacuna que deixou em ideologias, tal qual o PSDB – que merece ganhar de Kassab na Prefeitura de São Paulo – ,quando não abriu os arquivos da ditadura ou deixou de reformular a legislação que versa sobre drogas.

                O engrendramento de artistas e a violação da privacidade; a contínua política de servir esportistas, digamos assim, no sistema net virtua; a rádio escuta da Universidade Federal Fluminense que felizmente deve escutar as torturas entre quatro paredes. Tudo isto nos faz lembrar os porões da ditadura, os X9, os aparelhos.

                Existem armas mais eficazes que aquelas visíveis. São aquelas que nos roubam os sonhos, cuja ideologia é apenas de mercado. São aquelas que nos furtam oportunidades, que nos fazem prisioneiros por consciência, ou refém das Forças Revolucionárias Colombianas.

                Todos sabem que as aparências enganam, já dizia o poeta, e não passamos de um país que é corredor dos crimes transnacionais de armas, drogas e seres humanos. Dito isto, na transversalidade que criminaliza, tortura e marginaliza a pobreza, poderemos começar alguma discussão séria, seja com o Instituto da Claudia Chagas, do Lula, ou do FHC.

 

                São os mais sinceros votos,

 

Dionnara Castro.

Escrito por Dionnara às 22h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

MENSALÃO

 

                    Era óbvio que o chamado Mensalão, independente dos Partidos envolvidos, precisava ser investigado.

                Graças a ele houve surgimento de outros partidos que assim como o MDB e o PT se transformaram em grandes partidos.

                Há muito Defensores de Direitos Humanos são plutipartidários e podem sentar-se à mesa para negociar com todos os partidos.

                O que chama atenção é o que o Mensalão venha a ser julgado em época de eleições. Coincidência, ou não. Interdependência entre Poderes Constituídos corroídos por dentro. A ideologia morre um pouco, ou não.

 

Dionnara Castro.

Escrito por Dionnara às 14h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A ERA DA CULTURAL VISUAL

 

        Felizmente a imprensa nos Estados Unidos da América (EUA) não passam pela crise da era Cristina Kirchner, nem com a entrada de Chávez no bloco do Mercosul.

                Ao atingir a mass mídia, atinge-se também as mídias de base, incluindo as informações sobre Direitos Humanos.

                De boca em boca é que se faz literalmente, tanto à repressão aos artigos de Direitos Humanos; quanto a disputa eleitoral que é municipal no Brasil e presidencial nos EUA.

                O cubo mágico teve sua origem no Instituto Brasileiro Giovanni Falcone – IBGF -que de um lado, apóia a descriminalização dos usuários e do varejo do tráfico e, de outro lado, galga outra significação e lugar às profissionais do sexo, incluindo aquelas que fazem parte do implementado Programa Global de Prevenção e Enfrentamento ao Tráfico de Seres Humanos – TSH.

                Parece-nos que a Rádio Escuta da Universidade Federal Fluminense – UFF- chega num momento vitorioso.

 

                São os mais sinceros votos,

Dionnara Castro.  

 

Escrito por Dionnara às 19h07
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O ESTRANGEIRO E O LOCAL

 

 

                É a partir de seu próprio local, município, que o estrangeiro reconhece-se mundialmente. Daí a importância do viajante portar seus próprios documentos e manter contato com a família. Daí a importância de se reconhecer, por exemplo, o ciclo da lavagem de dinheiro feito por poderosos de maneira transversal aos Poderes Públicos Constituídos.  

                As leis das Organizações das Nações Unidas – ONU - têm recebido intrinsecamente críticas da Organização dos Estados Americanos – OEA – por sua legislação da década de sessenta.

                A Presidenta brasileira, inclusive como vítima da ditadura – tem a possibilidade de defender uma vaga no Conselho de Segurança da ONU, sendo honesta com o contexto da América do Sul.

                De acordo com a CBN -  http://cbn.globoradio.globo.com/comentaristas/walter-maierovitch/WALTER-MAIEROVITCH.htm -, o jurista Wálter Maeirovitch irá acompanhar diariamente o processo do mensalão que não pode desprezar o contexto internacional, onde se dão os crimes transnacionais.

 

Sinceramente,

 

Dionnara Castro.

Escrito por Dionnara às 14h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

TSH

 

      O Tráfico de Seres Humanos não pode ser equiparado a refugiados de ditaduras ou guerras. A exploração sexual, o trabalho escravo e o tráfico de órgãos são fatos que engendram pessoas nas redes mafiosas, transversais, que perpassam todas as classes sociais.

      A máfia está curvada ao Mercado do Deus Neoliberal, como está toda sociedade capitalista selvagem.

      É fato que se encontra o diagnóstico do perversista, aquele que se coloca por uso da força bruta, chantagens, armadilhas, dentre outras psicopatias.

      Não ceder as chantagens é a única maneira de lidar com esse quadro doentio. Nisso, não há vídeo game. Há a mass mídia tentando ressignificar o lugar destes excluídos, lembrando que o tráfico de pessoas é posterior ao tráfico de drogas e armas. Legalizar é a única maneira de lidar com uma rede doentia de enquadramento psicossocial e econômico. É reforçar o mercado que já há, somente, agora, com o controle do Estado, via impostos que devem ser aplicados na construção de Políticas Públicas de reinserção social.

 

São os mais sinceros votos,

Dionnara Castro.

Escrito por Dionnara às 23h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

LITERATURA, ARTIGOS E PSICANÁLISE

 

 

À atenção do IBGF

 

                Vivemos num mundo satelizado, onde liberdade de expressão e privacidade se tornam uma questão.

                A Psicanálise requer sigilo, não é talk show, no encontro entre analista e paciente, o qual faz semblante ao desejo do primeiro.

                Num mundo de manipulações de fãs, incluídas no Instituto Brasileiro Giovanni Falcone, como se fossem clones da equipe que implementou o Programa Global de Prevenção e Enfrentamento ao Tráfico de Seres Humanos – TSH – perde-se a privacidade no espaço de análise, tanto quanto na literatura, por hackers. O método oscila, de um lado, entre entrevista preliminares, estudos de caso, observação participativa, dinâmicas de grupo; de outro lado, o conflito é entre o método indutivo comportamental e a associação livre, entre os descendentes da Univercidade de Deus e as escolas de interpretose.

                Se são questões inerentes aos artigos em Direitos Humanos, é o que indago. Lidar com a falta de privacidade, com a falta de liberdade e com a exposição permanente me faz lembrar Paulo Coelho e Raul Seixas.

                Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo, já dizia o poeta.

 

Dionnara Castro.

Escrito por Dionnara às 16h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O SOL DE CADA MANHÃ

 

 

                As máquinas caça níqueis, ou jogos de azar não se diferem das relaçõesamorosas,  cujo eixo é o enfoque financeiro.

                Conforme publicado pelo Jornal O Globo, a prostituição é um mundo sedutor e cruel.

                É através dessa profissão que muitas mulheres são aliciadas ao tráfico de seres humanos; criam dívidas; têm seus documentos cooptados e não conseguem retornar ao seu país de origem.

                O Programa Global de Prevenção e Enfrentamento do Tráfico de Seres Humanos – TSH – implementado pelo Ministério da Justiça – Governo Federal e Organização das Nações Unidas – ONU - trata disso.

                Aqui, a maternidade é uma profissão e não uma função, onde a Psicanálise aponta as questões do afeto que se dão a partir daí.

 

 

Dionnara Castro é sócia da empresa Solidariedade Ativa – LTDA.  

Escrito por Dionnara às 18h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A PSICANÁLISE E A DITADURA

 

                Para quem tem acesso as reuniões imperdíveis do Grupo Tortura Nunca Mais – RJ sabe que muitos foram os psicanalistas que atenderam torturadores. Hoje, busca-se não personalizar o chamado X, por exemplo, mas tratar a questão como questão de Estado.

                O código de ética da Psicologia, considerando o artigo 5º. da Constituição Brasileira, que resguarda o direito à prvacidade, muito tem debatido sobre esse tema. Sabe-se, inclusive, que o psicanalista pode querer, ou não, atender determinado paciente e preza-se na Univercidade de Deus por conscientizar os pacientes das consequências de seus atos.

                A Univercidade de Deus fica situada na Cidade de Deus. De um lado, observa-se toda pobreza e miséria; de outro lado observa-se a riqueza. É uma reflexão profunda daqueles que buscam reler Freud e Lacan.            

                São poucos os paridos pelo psicanalista MD Magno, quem deu bela entrevista no Programa do Jô.

                Os Defensores de Direitos Humanos lutam pela história dos vencidos, confundidos com terroristas, inclusive.

                A abertura dos arquivos da ditadura é um nó do Governo Dilma, herança das gestões anteriores.

                Analisem sobre isto.

 

Dionnara Castro, psicóloga CRP 26021-5ª. Região, psicanalista e escritora.  

Escrito por Dionnara às 22h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Visitante número: